terça-feira, 23 de outubro de 2012

O cair das folhas

E subitamente estão a nossos pés,
sem que lhes fosse imposto,
deambularam do topo de outrora
para formar esse magestoso
piso! O auge de beleza
em dourados tons.
E caem de lés a lés,
sem que nenhuma ouse ficar...
precipitam-se directas no chão
sem rumo trilhado,
sem qualqur desgosto.

Esse trilho magestoso,
Está de repente a nossos pés.

A mistura de cores diante de nós,
desperta emoções,
deixa em alerta sensações
e aguça sentidos!

O som das gotas de Outono
que cantam uma música
ao abraçar o magestoso trilho
nos embalam,
As cores vivas, fortes e variadas
formam uma graciosa tela
e ao ser apreciada ao olhar
nos aconchegam,
Os aromas quentes
que emanam da fragilidade
das folhas que caem, nos enebriam...

Trilhos que são feitos,
agora de um modo diferente,
não por quem trilha,
mas porque subitamente,
estão a nossos pés...
As folhas!

"Mude suas opiniões, mantenha seus príncipios.
Troque suas folhas, mantenha suas raízes."
Victor Hugo

Participação no Fábrica de Letras
Com o Tema para Outubro: O cair das folhas

21 comentários:

  1. Eu gosto do Outono. Do seus aromas e cores. Dos marmelos, nozes, castanhas, romãs e diospiros. Gosto das folhas que caiem, do musgo, do ar respirável após as primeiras chuvadas. E também gosto deste teu post.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O Outono é a minha estação preferida Francisco.

      Obrigado :)

      Beijinhos

      Eliminar
  2. Um poema que dá que pensar! Ainda assim prefiro o inverno, o frio, a chuva, o ficar na caminha até mais tarde a ouvir chover!

    beijinho!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Alexandra, são de facto gostos, o Outono é a minha estação preferida por algumas das mesmas coisas que citaste :)

      As palavras dão sempre que pensar.

      Um beijinho grande

      Eliminar
  3. Uma poesia linda de outono, Poppy.
    Tens jeito mesmo para escrever... me envolveu nas suas palavras enquanto lia, e que boa sensação!
    Um beijo especial para ti amiga.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado pelo teu carinho Pat. eu também me envolvo nas palavras quando escrevo.

      Um beijo muito especial também para ti minha amiga*

      Eliminar
    2. Tem um selo para você no meu blog ;)
      Beijo

      Eliminar
  4. Precioso Poema de Otoño, con esas hojas que se desvanecen, bailando sobre nuestros pies. Es la Renovación y el principio del recomienzo de la Naturaleza, que es continua vida en movimiento.
    Preciosa Poesía.
    Un abrazo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigado pelas palavras Pedro Luis. Eu também considero o Outono o principio e a renovação :)

      Abraços

      Eliminar
  5. Não costumo comentar poesia, mas a foto e o pensamento de Victor Hugo são fantásticos! :)

    Beijocas!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Teté, então sinto-me honrada com o comentário, ainda que não fosse directamente ligado à poesia :)

      Beijocas

      Eliminar
  6. O Outono é sempre bonito, minha amiga! As tonalidades da vida são inebriantes e transportam-nos para trilhos de amor....


    Beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. JP, eu acho que o Outono é uma época de grande romantismo :)

      Beijinhos

      Eliminar
  7. Por aqui ainda se sente pouco o Outono.
    Só se vai sentir a sério quando acabar o Grande Prémio, lá para meados de Novembro.
    Bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pedro, é o que dá estar no outro lado do mundo :) Mas ele chegará!

      Beijinhos

      Eliminar
  8. Outono, minha estação preferida também. Gostei muito deste TEU "cair das folhas" :) Beijinho Poppy

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Helena, gosto muito do Outono, desde sempre! Até determinada fase da minha vida eu contava os dias para terminarem as férias e regressar às aulas (quem diria :p) e o Outono estava associado ao regresso às aulas, e o Verão, sobretudo à uns anos atrás, era tão quente tão quente que quando chegava o Outono era um alivio para mim, e depois gosto do cheiro da chuva que cai na terra seca, dos aromas do Outono, das cores do Outono... Gosto muito mesmo!

      Beijinhos Helena

      Eliminar
  9. Que bonito, Poppy! Todos devemos a nossa admiração às folhas que, humildemente, aceitam a inevitável renovação da natureza e se desprendem, douradas, concedendo-nos alguns dias de encantamento, ao vermos as ruas atapetadas por elas... =)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado Briseis, sim, devemos dar valor a pequenas e simples coisas como as cores que o Outono nos proporciona :)

      Beijinhos

      Eliminar
  10. Mais palavras para quê? E viva o Outono, a melhor estação do ano! Não é apenas a estação do romantismo, é também do melancolismo e da nostalgia. É a magia do Outono. :)

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. FireHead, a magia do Outono é única :) Beijinhos

      Eliminar